Tirando forças de onde só há fraqueza

força

Bom dia embaixadores

Por isso, por amor de Cristo, regozijo-me nas fraquezas, nos insultos, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias. Pois, quando sou fraco é que sou forte. 2 Coríntios 12:10

As coisas de Deus, as vezes parecem incoerentes não é? como posso tirar forças de onde só há fraqueza? Entender isso, chega ser um desafio enorme pra nós. Mas se formos buscar na Palavra de Deus vamos entender facilmente. Um exemplo fantástico disso é a história de Gideão, que você pode ler na integra lá no livro de Juízes a partir do capítulo 6. Gideão era o menor dos filhos de Joaz, sua casa era a menor da tribo, sua tribo era a menor do Reino. Certo dia um anjo do Senhor apareceu a Gideão dizendo que ele iria liderar o exército de Israel contra os medianitas. Depois de renegar algumas vezes Gideão acabou entendendo o anjo e aceito a missão. Os israelenses estavam em um numero de 10 mil soldados. O Senhor achou que eram muitos homens e alguns eram inúteis, reduziu então o exército para 300. O exército de Midiã era como uma nuvem de gafanhotos, impossível de se contar. O Senhor era com Gideão e seu exercito, e lhes deu a vitória.

Você pode perceber que Deus as vezes nos coloca, ou permite que entremos em situações complicadas, situações onde nossa fraqueza fica em evidência. E por que isso? Porque o Poder de Deus se aperfeiçoa em nossas fraquezas (ver 2Corintios 12:9). Muitas vezes nos perguntamos porque e pra que passamos por certas ocasiões. Eu por diversas vezes me perguntei isso, pois pro meu conceito humano e falho, não tinha o que eu tirar de aprendizado daquele deserto. Mas querido (a) só não tiramos aprendizado dos desertos quando olhamos com o conceito humano. Se buscarmos olhar com os olhos espirituais, com o conceito de que somos cidadãos do Reino dos Céus, vamos começar a viver o sobrenatural de Deus.

Num certo momento da vida de Paulo, você pode ver isso em 2 Corintos 12, a fraqueza dele começava a incomodá-lo. Paulo foi simplesmente um dos maiores apóstolos e mestres que a Bíblia conta, e que existiu até os dias de hoje, porém Ele tinha um espinho na carne. Ele tinha uma fraqueza, podemos até chamar de pecado. E Paulo clamava a Deus pra que Ele o tirasse, Deus não tirou. Porque o espinho na carne de Paulo era o elo que o mantinha dependente de Deus. Queridos, algumas situações em nossa vida são permitidas pra que jamais, jamais, esqueçamos que somos totalmente dependente da graça de Deus.

Concluindo, algumas situações nos trazem aprendizado, as vezes um aprendizado duro, mas necessário. Nossas fraquezas são expostas e não há nada de errado nisso. Temos que estar em constante busca pelo Senhor, para que das nossas fraquezas possamos tirar forças. Outras situações são permitidas por Deus, pra que não esqueçamos jamais que sem Ele não somos nada e que somos totalmente dependentes da misericórdia e da Graça Dele. Então queridos, vamos nos manter firmes e na busca incessante por mais de Deus. Contem comigo.

Comente, compartilhe

Amo vcs!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s